Idosos do Abrigo Sagrado Coração de Jesus são vacinados contra a Covid-19 em Sobral

Abrigo Sagrado Coração de Jesus, em Sobral inicia vacinação contra a Covid-19 | Foto: Mateus Ferreira/SVM

Os primeiros idosos institucionalizados do interior do Ceará foram vacinados contra a Covid-19 na manhã desta terça-feira(19), em Sobral. 

José Milton de Oliveira, de 84 anos, foi o primeiro idoso abrigado a receber a primeira dose da vacina. Ele vive no Abrigo Sagrado Coração de Jesus. Maria de Lourdes Aguiar Sousa, de 80 anos, e outros abrigados também foram vacinados na campanha, que começou às 8h.

O abrigo fica ao lado do hospital de campanha municipal Dr. Alves, que recebe pacientes com Covid-19.

A vacinação dos profissionais de saúde começou na noite desta segunda-feira (18) em Sobral e outras cidades do estado. A agente de saúde Ana Maria do Nascimento, de 64 anos, foi primeira pessoa vacinada no município da Região Norte do Estado.

A técnica de enfermagem Francisca Elenilda Rodrigues Garcia, de 53 anos, também recebeu a primeira dose do imunizante durante a solenidade de lançamento da vacinação em Sobral. 

Sobral recebe mais de 2 mil doses 

O município recebeu 2.251 doses da Coronavac neste primeiro lote, que serão destinadas apenas a profissionais que atuam no enfrentamento à Covid-19 e idosos que residem em asilos. 

Em um segundo momento, sem data definida ainda, serão imunizados outros profissionais de saúde e idosos com mais de 75 anos - estes em suas casas. 

Na segunda fase da vacinação estão os idosos de 60 a 74 anos. Pessoas com comorbidades estarão na terceira fase.

Os profissionais de salvamento, funcionários do sistema prisional, pessoas privadas de liberdade, professores, policiais e guardas municipais serão contemplados na quarta e última etapa.

Maria de Lourdes Aguiar Sousa, de 80 anos, também recebeu a primeira dose da vacina | Foto: Mateus Ferreira/SVM

Vacinação no Ceará

O carregamento com 218 mil doses da vacina Coronavac chegou ao estado na noite desta segunda-feira (18). O material começou a ser distribuído aos 184 municípios cearenses em aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

A vacinação no estado foi iniciada em uma solenidade no Hospital Leonardo da Vinci, referência no tratamento da Covid-19 em Fortaleza. A técnica de enfermagem Maria Silvana Souza Reis, de 51 anos, foi a primeira a receber a primeira dose do imunizante no estado. 

Após ser vacinada, Maria fez um apelo para que a população não tema a vacina. “Não senti nada, nenhuma dor. Não tenham medo de tomar a vacina”, disse.

Com a vinda do primeiro lote dos imunizantes, 109 mil pessoas devem ser vacinadas em todo o Estado, considerando que cada pessoa precisa de duas doses. 

Como não dá doses suficientes, serão contemplados profissionais de saúde de instituições públicas e privadas que atuam diretamente no enfrentamento da Covid-19 e idosos em Instituições de Longa Permanência (ILPIs). Os profissionais de saúde serão vacinados em seus locais de trabalho. 

Outros grupos pertencentes à Fase 1, como idosos acima de 75 anos e população indígena, serão vacinados na medida que chegarem mais doses do imunizante, nas próximas semanas. 

Dessa forma, o aplicativo Mais Saúde Fortaleza ainda não está disponível para agendamento da vacina CoronaVac, informou Ana Estela Leite, titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na manhã desta terça-feira (19).

DIÁRIO DO NORDESTE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.