Polícia Civil prende suspeito de matar três mulheres no Ceará



Policiais lotados na Delegacia Municipal de Barreira prenderam um suspeito de ter assassinado três mulheres no Maciço de Baturité, no interior do Ceará. O crime ocorreu no dia 16 de maio deste ano e teve como vítimas três lésbicas: Denise Santos Souza (24); a namorada Evelize da Costa Ferreira (24); e a amiga do casal, Maria Vitória Lima Pereira (24).

Denise, Evelize e Vitória foram mortas dentro da residência do casal por lesões provocadas por arma de fogo e, conforme moradores da região, estavam dormindo quando bandidos armados dispararam contra elas. Segundo a Delegacia de Barreira, a motivação do crime seria uma suposta relação de uma delas com um grupo criminoso rival ao do homicida. Porém, nenhuma tinha antecedentes criminais.

O suspeito foi identificado como José Flávio Dantas da Silva, de 27 anos. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que "após inúmeras diligências para descobrir os autores do delito, a Polícia Civil identificou a participação do homem nas mortes e a sua localização". Ele foi preso em Redenção, município vizinho de Barreira.

O homem foi encontrado em um imóvel e, segundo a Secretaria, não resistiu à prisão. 'Deizim' tem passagens por roubo, receptação e tráfico de drogas. As investigações continuam em andamento a fim de capturar outros suspeitos do crime.

G1/CE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.