Polícia desarticula fábrica clandestina de engarrafamento de água no Ceará


A Polícia Militar do Ceará (PMCE), por meio do 12º Batalhão Policial Militar, realizou a prisão de um indivíduo, no último sábado (18), após descobrirem uma fábrica clandestina de água, no bairro Urucutuba, em Caucaia, na Área Integrada de Segurança 11 (AIS 11). A equipe havia recebido denúncias sobre o caso e estava acompanhando a movimentação no local.

Os policiais militares receberam denúncias de populares sobre um homem que estaria utilizando água de um poço para engarrafamento do líquido em garrafões adulterados, que eram comercializados nos bairros Picuí e Metrópole, como água mineral. Por volta das 11 horas, a equipe de supervisão da área, durante patrulhamento na localidade, passou em frente ao endereço indicado e se deparou com o portão aberto e a fábrica clandestina citada na denúncia, em plena atividade.

O suspeito estava enchendo aproximadamente 20 garrafões, utilizando uma mangueira plástica, acoplada a uma caixa d´água de fibra, que era abastecida por um poço, mediante bomba de sucção. No local, foram encontrados 220 lacres com a marca Pingo D’Água e várias tampas para garrafões, um aquecedor utilizado para vedação, cerca de outros 30 garrafões em estoque, além de um reboque, que era utilizado para transportar o material durante sua distribuição. As condições de higiene eram insatisfatórias e os garrafões estavam com as datas de validades vencidas.

Francisco Lucelândio da Silva (36) recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, para a Delegacia Metropolitana de Caucaia. O suspeito, que já possuía antecedentes por crime de trânsito, foi autuado em flagrante por crime contra a saúde pública. Após a realização dos procedimentos, ele se encontra à disposição da Justiça.

SSPDS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.