Pessoas passam a noite em calçada para tentar receber auxílio emergencial no Ceará

Filas se formaram em frente a uma agência da Caixa Econômica na noite do domingo (19), em Fortaleza — Foto: Rafaela Duarte/SVM

Em busca de garantir as primeiras senhas para conseguir o auxílio emergencial de R$ 600, cerca de 100 pessoas resolveram passar a noite acampadas na calçada de uma uma agência bancária situada no Bairro Messejana, em Fortaleza. Sem respeitar a distância de segurança recomendada pelas autoridades sanitárias, as pessoas se acomodavam sentadas em cadeiras enquanto outras deitavam sobre papelões.

O Ceará soma 3.306 diagnósticos positivos para o novo coronavírus (Sars-Cov-2) e 189 mortes em decorrência da doença. Os dados foram divulgados por meio da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do estado (Sesa), às 17h deste domingo (19). Fortaleza concentra a maioria dos registros, com 2.688 casos. No total, a Covid-19 foi diagnosticada em 98 municípios cearenses.

O desempregado Francisco Rodrigues de Sousa, de 54 anos, chegou ao local às 17h deste domingo na tentativa de ser um dos primeiros a ser atendido na manhã desta segunda-feira (20). Ele disse que precisa do auxílio para pagar dívidas que já estão atrasadas. "Eu estou quase sendo despejado de casa. A burocracia para receber esse dinheiro é demais. Isso aqui é uma humilhação", lamenta.

A dona de casa Albaniza da Silva veio pela terceira vez para a calçada da agência. Ela informou que está precisando comprar alimentos para casa e por isso insistiu em chegar com antecedência na fila. "Eu vim quinta-feira seis da manhã e tinham 200 pessoas na fila, então resolvi vir mais cedo na sexta-feira, umas três horas da manhã debaixo de chuva, vento e trovões e já tinham 280 pessoas na minha frente. Dessa vez resolvi passar a noite. Eu moro com meu esposo e está difícil pois nem serviços menores ele tá conseguindo fazer", disse.

Auxílio emergencial

Nesta segunda-feira (20), a Caixa Econômica Federal fará o pagamento para 4.230 de milhões de informais não inscritos no cadastro do governo. O valor será creditado em uma conta poupança digital aberta pelo banco em nome desses trabalhadores. Os recursos poderão ser movimentados através do aplicativo Caixa Tem para pagar compras e realizar transferências bancárias.

Para sacar em dinheiro, será preciso esperar até a última semana deste mês. De acordo com o cronograma da Caixa, as retiradas podem ser feitas entre os dias 27 de abril e 5 de maio, de acordo com o mês de nascimento.

G1/CE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.