Sindicato de Atletas faz proposta ao Guarany de Sobral e tenta reverter demissão do elenco

O Guarany estava classificado para a Copa do Brasil de 2021 e ocupava o G-4 do Estadual | Foto: Dan Seixas

Após o Guarany de Sobral anunciar a demissão de todo o elenco por conta da paralisação do calendário, o Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Ceará (Safece) emitiu uma proposta ao clube nesta terça-feira (24) para reverter a situação e manter os jogadores empregados durante a pandemia do novo coronavírus. O presidente da instituição, Marcos Gaúcho, reforçou que o pedido foi aprovado pelos profissionais e depende de aprovação da diretoria do time.

"Enviamos uma proposta ao Guarany de Sobral para tentar reverter a solução da demissão em massa. Conversei com o Thyago, diretor, e vamos esperar. Mas é uma proposta boa e razoável. O momento é de diálogo, de conversa, de entendimento. Temos que entender as aflições de quem paga e de quem recebe, dentro do contexto de equilíbrio", explicou.

Na decisão unilateral do Guarasol, os contratos dos atletas foram suspensos sob a justificativa de que seriam normalizados com o retorno das competições. Apenas o técnico Washington Luiz seguiu no cargo da equipe principal. Marcos Gaúcho ressaltou que o projeto do clube é interessante e não necessita de uma medida tão severa.

"O Guarany montou um grande time, com jogadores excelentes, e não se pode descartar um projeto assim. Tem uma gestão responsável, competente, que resgatou o clube, e que podemos ter um diálogo", explicou.

A expectativa é que a nova posição da cúpula do time seja emitida ao fim da tarde. A medida foi tomada pelo presidente do clube, Mauro Fuzaro, a fim de resguardar financeiramente o Guarany de Sobral, que terá um corte de receita sem a disputa dos torneios.

VAGA NA SÉRIE D E COPA DO BRASIL


O ANO SE MOSTRAVA BASTANTE PROMISSOR PARA O GUARANY DE SOBRAL. O RUBRO-NEGRO FOI O "CAMPEÃO SIMBÓLICO" DA 1ª FASE DO ESTADUAL, O QUE LHE ASSEGUROU VAGA NA COPA DO BRASIL DE 2021.

Pelo desempenho na 2ª fase, praticamente garantido na fase semifinal, também conquistou a vaga na Série D de 2021, o que seria apenas uma garantia, visto que o clube tenta o acesso para Série C neste ano.

Com a dispensa de atletas, a situação em termos de campeonato estadual pode ficar polêmica, visto que os jogadores só poderiam ser inscritos até sexta-feira (27). Portanto, o clube não pode contar com novos nomes no torneio estadual, e os jogadores antigos, agora, ficam livre para acertar com outras equipes.

ALEXANDRE MOTA E ANDRÉ ALMEIDA / DIÁRIO DO NORDESTE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.