Policiais Militares estão sendo afastados com sintomas do novo coronavírus


Policiais Militares são afastados com sintomas do novo coronavírus, porém ainda não se sabe o número de profissionais infectados.
Policiais Militares entregando máscaras e álcool em gel à colegas de trabalho/Foto:Divulgação SSPDS/CE (24/03/2020) 

Policiais Militares do estado do Ceará são afastados com sintomas associados ao novo coronavírus, contudo, segundo o Comando Geral da PM/CE não há dados concretos da quantidade de PMs que apresentaram esses sintomas, mas afirma que há licenças médicas por problemas respiratórios.

O Coronel Alexandre Ávila, comandante-geral da Policia Militar do Ceará, afirmou à VM, que apesar das licenças, "não há comprometimento de policiamento no Ceará".Ávila ainda disse que todos os casos vêm sendo acompanhados pela Coordenadoria de Saúde e Assistência Social e Religiosa da própria instituição.

Plano de Contingência

A recomendação de que fosse apresentado um plano de combate ao novo coronavírus foi feita há três dias pela Promotoria de Justiça Militar e Controle Externo da Atividade Policial Militar do Ministério Público do Ceará (MP/CE). A recomendação tem como parâmetros, garantir a saúde dos profissionais e dos familiares, além de evitar que o efetivo seja afetado por possíveis afastamentos em decorrência do Covid-19.

Coronel Ávila afirma que a Polícia Militar adotou um plano de contingência e desde do último dia 17, policiais estão recebendo as devidas orientações e o plano vem sendo executado normalmente, cumprindo protocolo.

"Primeiro, estão sendo distribuídos material de proteção aos PMs da Capital. Aguardamos chegar mais material, como máscara e luvas. A higienização das viaturas já era uma coisa feita rotineiramente. Já percebemos menor movimentação nas ruas, mas ainda há aglomerações na área da periferia. O atestado não está sendo exigido e vem sendo feito um acompanhamento do policial à distância, sendo sempre verificado o estado" disse Ávila.

As recomendações para um plano de contingência foi proposto após a promotoria receber reclamações por parte de militares que não se sentiam devidamente protegidos em meio à disseminação do Covid-19.

A orientação ainda inclui a necessidade do Comando em avaliar a concessão de dispensar e afastar dos serviços militares estaduais, principalmente aos que pertencem ao quadro de saúde da corporação.

Boletim Epidemiológico

No Ceará, até o dia 29 de março de 2020, foram confirmados 359 casos de COVID-19. Para todos os casos confirmados, o critério utilizado é o laboratorial. Destes, 338 (94,2%) são residentes na capital e os demais no interior e região metropolitana do estado, 216 (60,2%) estão na faixa etária de 20 a 49 anos de idade e a maior incidência na faixa etária de 50 a 69 (10,7 casos por 100 mil habitantes para os homens e 6,8 casos por 100 mil habitantes entre as mulheres). Dois novos municípios, Maracanaú e Itaitinga, pertencentes à Região Metropolitana de Fortaleza, confirmaram casos de COVID-19.

Cinco pessoas morreram no Ceará, vítima do Covid-19.

Internações

Dentre os 359 casos confirmados, 27 (7,5%) estão hoje em internação hospitalar sendo que destes, 10
(37,0%) estão hospitalizados em enfermarias, 17 (63,0%) estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 10 (2,8%) receberam alta hospitalar. Do total de pacientes internados, 26 (97,3%) estão em hospitais de Fortaleza.

Vigilância Laboratorial

No Ceará, até ao dia 29 de março de 2020, foram realizados 4.664 exames laboratoriais para o
diagnóstico da infecção pelo COVID-19. Destes, 3721 (8,0%) confirmaram o adoecimento, 2.262
(52,3%) não detectou a presença do vírus e 1.840 (39,8%) ainda aguardam resultado laboratorial. Do
total, 3.805 (81,6%) das amostras foram processadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública do
Ceará (LACEN) e 818 (18,4%) por laboratórios particulares. A proporção de positividade das amostras processadas no LACEN foi de 10,8%, enquanto que nos laboratórios particulares foi de 19,2%, sendo o total da proporção de positividade de 12,8% para todas as amostras.

RONDINELLY MOTA / SOBRAL PORTAL DE NOTÍCIAS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.