Familiares de detentos no Ceará fazem manifestação por mudanças no sistema penitenciário


Mulheres de detentos do Sistema Penitenciário do Ceará realizaram um protesto na manhã desta segunda-feira (23) pedindo melhorias nas prisões. Elas denunciam maus-tratos sofridos pelos detentos e má condição dos presídios. As manifestantes vieram em caravanas do interior e da capital em cerca de seis ônibus e se reuniram na Praça da Imprensa Chanceler Edson Queiroz, no Bairro Dionísio Torres.

As manifestantes querem ser ouvidas pelo Governador Camilo Santana e buscam uma posição sobre o resultado de levantamento do Sistema Presidiário do Ceará feita pelo Sistema Nacional de Prevenção e Combate à Tortura em abril de 2019, que indicam "indícios de práticas de tortura generalizada"

G1/CE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.