Após três mortes por H1N1, falta vacinação para idosos e crianças em Juazeiro do Norte

Decisão de antecipar vacinação contra gripe em todo o país se dá após registros de casos no estado do Amazonas (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Crianças e idosos são os grupos prioritários que ainda precisam atingir a meta de imunização (90%) contra o vírus H1N1 em Juazeiro do Norte, distante 487,9 km de Fortaleza. Falta, de acordo com a Secretaria da Saúde de Juazeiro do Norte, 1.434 doses para alcançar as 73.384 pessoas que fazem parte do grupo prioritário no município. Na tarde dessa terça-feira, 4, a titular da pasta confirmou as três mortes devido ao H1N1. Procurada na noite desta quarta-feira, 5, a assessoria de comunicação do órgão informou que até o final da tarde não havia sido informada sobre a chegada ou confirmação do repasse de novas vacinas.

“Protocolamos três ofícios na Regional de Saúde do Estado solicitando doses extras para que nós possamos vacinar um público diferente do prioritário preconizado pelo Ministério. Não foi enviada para nenhum município nenhuma dose extra para que se pudesse vacinar outros grupos. Estamos aguardando posicionamento do Estado”, explicou a secretária da Saúde, Francimones Albuquerque.

O Município recebeu 71.950 doses para vacinação dos grupos prioritários, que no geral já atingiu 95,59% de cobertura, acima dos 90% preconizados pelo Ministério da Saúde. No entanto, são necessárias ainda 1.434 doses para alcançar as 73.384 pessoas que fazem parte do grupo prioritário no Município. Destes, crianças e idosos são os grupos que ainda precisam atingir a meta de imunização.

Três mortes pelo vírus H1N1 foram confirmadas pela secretária da Saúde de Juazeiro do Norte, Francimones Albuquerque. Em coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira, 4, a gestora explicou que, dentre as 21 notificações, seis casos da doença foram confirmados. Três deles evoluíram para o óbito - dois de Juazeiro e um de Jardim, município vizinho. Mais uma morte suspeita está sendo investigada.

O POVO Online enviou e-mail à Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) nesta quarta-feira, 5. Nesta quinta, 6, a assessoria de comunicação respondeu informando que "até sexta-feira, 7 de junho, as vacinas estão chegando em Juazeiro do Norte".

REDAÇÃO O POVO ONLINE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.