As armas de Floresta e Guarany de Sobral para as semifinais do Estadual


Floresta e Guarany de Sobral não eram favoritos para chegar às semifinais do Estadual, mas arrancaram na reta final da segunda fase e deixaram os concorrentes para trás. Agora, prometem dar trabalho a Ceará e Fortaleza, respectivamente.

O time da Vila Manoel Sátiro mostrou que pode ser pedra no sapato ao vender caro a derrota por 2 a 1 para o Leão, na última rodada da segunda fase. Utilizando marcação forte e preenchimento dos espaços vazios, pretende anular o adversário e matar o jogo em um ou dois contra-ataques.

Para isso, conta com os velozes e criativos Thalison e Renê, dois meias formados em casa. Na grande área, o técnico Paulinho Kobayashi terá a volta de Paulo Vyctor, que se juntará ao artilheiro Erison, ambos com a missão de não errar no último toque na bola.

Desta vez, o embate com o Vovô não será no Castelão, mas no solo irregular do Domingão. Lá o Floresta só perdeu uma vez neste certame e foi para o dono da casa, Horizonte.

O Guarany-S também aposta no mando de campo como trunfo. Desde que Gilmar Silva assumiu o comando técnico, o rubro-negro só ganha diante da torcida, no Junco. Isso foi importante para a arrancada de classificação. Dos 6 mil ingressos à venda para o jogo de amanhã, somente mil são para os visitantes.

O nome do momento no Cacique é o atacante Waldison, ex-Fortaleza, que vem marcando gols decisivos.

BRENNO REBOUÇAS / O POVO ONLINE | Foto: Amaral Torquato / GSC

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.