De todos os ônibus que foram destruídos no Brasil em 2019, 73% foram em Fortaleza


A violência que marcou a vida dos cearenses no mês de janeiro deixou uma triste marca para a cidade de Fortaleza: segundo a Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU), Fortaleza sozinha já responde por 73,3 por cento dos ônibus no País que foram incendiados este ano.

Os dados se referem apenas a empresas filiadas ao Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), que forneceu as informações sobre os veículos destruídos em janeiro.

De acordo com a NTU, dos 30 ônibus incendiados neste ano no Brasil até às 17 horas da última sexta-feira quando os dados foram fornecidos, 22 foram na Capital cearense. Os demais ataques ocorreram em Manaus, com cinco ações; Ilhéus (BA), com duas; e Campo dos Goytacazes (RJ), com uma.

A quantidade de ônibus destruída por ataques em Fortaleza no último mês de janeiro já supera as perdas ocorridas ao longo de todo 2018. No ano passado, 20 ações do tipo foram registradas. Desde 2012, a associação estima que 80 veículos tiveram perda total na Capital. Os dados fazem de Fortaleza a quarta cidade que mais perdeu ônibus incendiados desde 2012, atrás de São Paulo (441), Rio de Janeiro (336) e Belo Horizonte (122).

CEARÁ AGORA

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.