Número de mortes violentas no Ceará em setembro de 2018 apresenta redução de 15% em relação 2017


O número de mortes violentas neste mês de setembro apresentou uma redução de 15% em relação a quatidade de mortes do ano passado. Os dados foram apresentados nesta quinta-feira (4), em reunião ocorrida na sede da Secretaria de Segurança Pública (SSPDS), no Bairro São Gerardo, em Fortaleza. Segundo o secretário de segurança, André Costa, foram 391 mortes violentas neste ano, contra 460 no mesmo período do ano passado, no Ceará.

Apesar do bom número, o acumulado do ano que corresponde os meses de janeiro a setembro, a Região Metropolitana de Fortaleza registrou uma aumento de 3,0% no número de mortes violentas. Em 2017, foram 923 mortes, enquanto neste ano, foram contabilizados 951. No Interior Norte também houve um aumento. Enquanto ano passado tivemos 75 mortes, neste ano foram registrados 89. Um acréscimo de 22,5%.

O decréscimo, em setembro, também foi alcançado em três regiões do Estado, com maior destaque para Fortaleza, que registrou uma diminuição de 30,6%, sendo 120 crimes contra a vida, no mês passado, contra 173 , no mesmo período de 2017.

Já na Região Metropolitana, a diminuição foi de 14,65% com 105 mortes, em setembro último, contra 123, no mesmo mês do ano anterior. Outro índice favorável foi a redução de 13,55% nas mortes violentas no Interior Sul, caindo de 89 para 77, em setembro. Já no Interior Norte, teve um aumento de 18,7%. Sendo 75 casos contra 89 do mesmo mês do ano passado.

Acumulado do ano no Estado
Já no acumulado do ano que corresponde os meses de janeiro a setembro o Ceará também permanece reduzindo os números nos crimes contra a vida. Em consequência às diminuições alcançadas nos últimos seis meses, a taxa em 2018 no Estado em comparação ao mesmo período do ano passado é de -5,2%.

Até setembro, foram 3.501 mortes, em 2018, contra 3.693, em 2017. Reduções no acumulado do ano também foram registradas em Fortaleza, passando de 1.431 para 1.157 (-19,1%); e no Interior Sul, quando durante os nove meses de 2017 foram 725 mortes, e no mesmo periodo deste ano, foram 641 (-11,6%).

Latrocínio
Durante todo o ano de 2018, a SSPDS registrou redução também no roubo seguido de morte (latrocínio - um dos indicadores que compõe o CVLI). A diminuição foi de 58,1%, passando de 74 registros no passado, contra 31, em 2018.

Crimes contra o patrimônio e furto
Assim como no CVLI, a SSPDS registrou um balanço positivo também nos Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP), com reduções em todo o Ceará, no mês de setembro. No Estado, houve uma redução de 24,4% no CVP 1, que engloba roubo a pessoa e de documentos, além de outros que não estão inseridos no CVP 2. Foram registrados 4.025 casos em setembro último, contra 5,323, no mesmo mês de em 2017.

A maior redução ocorreu no Interior Sul, com 45,3% crimes a menos em comparação ao ano passado. Foram 296 CVPs em setembro de 2018, e 541, no nono mês de 2017. Em Fortaleza, foram 2.670 registros no mês passado, com uma redução de 21,2%, em comparação ao mesmo período de 2017, quando foram contabiliados 3,390 crimes.

Já a Região Metropolitana, com 719 casos em setembro deste ano, registrou uma diminuição de 26,4%, se comparado ao mesmo período do ano anterior quando aconteceram 977 crimes. O Interior Norte apresentou menos 18,1%, com 340 crimes em setembro último e 415 no mês passado.

No acumulado de janeiro a setembro, em todo o Estado, a redução de 15,6%. Durante os noves meses de 2018, foramm40.950 CVPs 1. Já ano passado, esse número foi de 48.503.

G1/CE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.