Inspetor da Guarda Municipal atingido por tiros em Sobral, não resiste e tem morte cerebral

Arquivo pessoal 

A vítima não resistiu aos ferimentos e teve morte cerebral, nesta sexta-feira (6), no Hospital Santa Casa de Sobral, onde estava internado desde o crime. 

O Inspetor Gonçalo Neto tinha 46 anos, e foi atingido por tiros na segunda-feira (2), no Conjunto Santo Antônio após tentar defender o verdadeiro alvo dos criminosos, Francisco Israele Porfírio Soares, 20 anos. Ambos foram encaminhados para a unidade hospitalar. Este último também não resistiu aos ferimentos e faleceu um dia depois do crime. 

Os dois criminosos envolvidos na ação ocupavam uma motocicleta modelo XRE cor preta. 

A Polícia Civil investiga o caso. Conforme a assessoria da comunicação da Polícia Militar (PM), os suspeitos já foram identificados e policiais estão em diligência buscando prender os envolvidos no crime.  

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.