Esquema de agiotagem: 12 pessoas são presas e Polícia apreende 450 cartões do Bolsa Família

FOTO: Divulgação/SSPDS
Uma operação deflagrada no município de Solonópole, nesta quarta-feira, 6, resultado da investigação de um esquema de agiotagem, prendeu 12 pessoas. Na ação, foram apreendidos 450 cartões de beneficiário do programa social federal, Bolsa Família.

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o líder da quadrilha é Antônio Gleuson Marcos Pinheiro, de 46 anos, com antecedentes por crime de transporte irregular de eleitor, posse irregular de arma de fogo e crime de trânsito. Os policiais encontraram os cartões na casa dele.

"Os levantamentos apontam que ele emprestava dinheiro aos beneficiários e cobrava juros altíssimos em troca. Para ter acesso aos empréstimos, as vítimas entregavam os cartões juntamente com as senhas para realização dos saques. De acordo com a investigação, os saques mensais passavam de R$ 100 mil", relata o órgão.

Foram apreendidos também cinco revólveres calibre 38, uma escopeta e uma espingarda, 37 munições, uma quantidade de drogas, um veículo Toyota Hilux e uma motocicleta. De acordo com a SSPDS, mais detalhes serão divulgados nesta quarta-feira, 6, depois que os procedimentos forem encerrados.

Também foram apreendidos na operação três adolescentes de 17 anos flagrados com maconha e cocaína, embalagens plásticas, uma balança de precisão.

Os adultos foram autuados por tráfico de drogas, associação criminosa e corrupção de menores, enquanto um ato infracional por tráfico e por associação criminosa foi lavrado em desfavor dos menores.
O Povo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.