Suspeito de envolvimento no assassinato de empresário sobralense é absolvido

Nelson Tavares - Vítima de latrocínio 
O crime de latrocínio contra o empresário Nelson Tavares aconteceu há seis meses em Sobral. No mesmo dia, Gilson Miqueias Melo Muniz, 22 anos, foi preso pela Polícia Militar por suspeita de participação na morte do sobralense. Na época, Miqueias foi encaminhado à Delegacia Regional de Polícia Civil e autuado em flagrante, de acordo com o blog Sobral 24 horas.

Foto: Divulgação 
Nesta sexta-feira, 18, o advogado que representava o suspeito conseguiu provar a sua inocência. Miqueias foi absolvido da acusação de latrocínio do empresário. 

O caso 

No dia 18 de novembro de 2017, Nelson Tavares foi abordado por dois indivíduos, quando estava em sua loja, localizada na Av. Dom José, no Centro de Sobral. Enquanto praticavam a tentativa de assalto, um dos homens atirou contra a vítima. O empresário foi socorrido por seu irmão para o Hospital Santa Casa de Sobral, e em seguida transferido para um Hospital em Fortaleza, onde não resistiu e morreu no dia 24 de novembro.





Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.