Hospital Regional Norte sensibiliza mães sobre doação de leite materno

Foto: Divulgação 

O Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral, da rede pública do Governo do Ceará é referência no atendimento neonatal e tem um Banco de Leite Humano responsável pela coleta, pasteurização e distribuição do leite materno para os bebês internados. Por mês, só para a UTI Neonatal, são necessários 40 litros de leite materno. A demanda é constante para atender os bebês internados no hospital, distribuídos nos 10 leitos na UTI Neonatal, 25 na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) e nove leitos na Enfermaria Mãe Canguru.

Uma das mães que está contribuindo com essas doações é a dona de casa Glauciana Ribeiro, de 25 anos, moradora de Sobral. Ela acompanha o filho Daniel, que deu entrada na emergência do Hospital Regional Norte no dia 3 de abril. A criança teve que passar por uma cirurgia para retirada de uma hérnia inguinal (na região da virilha). Atualmente, o bebê está na Enfermaria Mãe Canguru. O recém-nascido desenvolveu Alergia à Proteína do Leite de Vaca (APLV) e, no momento, se alimenta apenas do leite de fórmula. “O meu filho não está podendo mamar, mas têm outras crianças que precisam muito. Mesmo ele não podendo mamar nesse momento, sinto alegria. Quando meu filho nasceu, ele precisou também receber leite materno de doação. É uma retribuição e ao mesmo tempo um sentimento de alegria poder doar”, declara Glauciana Sales, acompanhada do esposo Clinton Ribeiro.

Ambulatório do Banco de Leite

Todas às terças-feiras, o ambulatório de Aleitamento do Banco de Leite do HRN recebe mães e bebês para consultas de acompanhamento da amamentação e desenvolvimento da criança.“A gente faz uma triagem das mães que tiveram filhos aqui no hospital. É feita uma análise daquelas mães que têm o maior risco de evoluir para um desmame precoce. Para evitar isso, a gente inclui essas mulheres no Ambulatório de Aleitamento do Banco de Leite”, destaca a médica pediatra Izabella Tamira.

No HRN, mãe e bebê passam pela consulta com a equipe de enfermagem, para ensinar a posição adequada para a amamentação, como realizar o aleitamento, entre outros cuidados. Em seguida, as pacientes são encaminhadas para consultas com a médica pediatra, paralelamente com a toda a equipe multidisciplinar do BLH. A intenção é promover o aleitamento materno exclusivo até os seis meses e, como forma complementar, até os dois anos de idade. “No ambulatório a gente faz o atendimento de pediatria geral, as consultas de puericultura (assistência para promover e proteger a saúde das crianças, através de uma atenção integral) e, quando tem alguma demanda do paciente (criança), se houver alguma intercorrência, a gente já trata também”, ressalta Izabella.

A coordenadora do Banco de Leite do HRN, Samara Andrade, reforça que os benefícios para uma criança amamentada são para a vida toda. “Durante a infância o alimento protege contra doenças infecciosas, respiratórias e diarreias. Já na fase adulta, os estudos comprovam que diminui o risco de surgimento das doenças crônicas, como a obesidade, hipertensão e diabetes, além de contribuir para desenvolvimento intelectual e sustentabilidade do planeta (menor produção de lixo não orgânico)”, afirma.

Campanha de Doação de Leite Humano

Neste sábado, 19 de maio, é celebrado o Dia Mundial de Doação de Leite Humano. Em alusão à data comemorativa, o Banco de Leite Humano do Hospital Regional Norte programou diferentes ações em parceria com a atenção básica do município de Sobral. As atividades ocorreram nos dias 8 e 16 de maio, com visita guiada no HRN, roda de conversa, coleta de leite materno e capacitação dos profissionais do Centro de Saúde da Família, enfermeiros e agentes de saúde, em manejo clínico na amamentação e coleta segura domiciliar.

Serviço:
Banco de Leite Humano do HRN
Atendimento: segunda a sexta-feira, das 8 às 11h e 14 às 17h
Local: Hospital Regional Norte - Av. John Sanford, 1505, Junco, Sobral
Informações: (88) 3677-9467

Assessoria de Imprensa do HRN
Thiago Conrado


 

 



 

 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.