Governo e caminhoneiros entram em acordo para suspender greve por 15 dias

Foto: Reprodução/WhatsApp 
Governo e caminhoneiros chegaram a acordo que cita suspensão da paralisação por 15 dias. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), suspendeu uma reunião com líderes e foi ao Palácio do Planalto para encontrar o presidente da República, Michel Temer (MDB), e representantes dos caminhoneiros. Após a reunião foi anunciado que um acordo foi encaminhado. É esperado que agora a categoria faça uma votação paa definir se encerra ou não a paralisação nacional.

Após 15 dias, será realizada nova reunião entre entidades e governo para acompanhar os compromissos. O acordo prevê o prazo de 30 dias para reajuste dos combustíveis e a manutenção do desconto de 10% no preço do diesel por 30 dias. A União pagará compensação financeira à Petrobrás para garantir autonomia estatal.

As informações são dos jornais O Povo e Estado de São Paulo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.