Cães de raça rara são encontrados em criadouro clandestino

Foto: Divulgação 
Forte odor levou moradores de Praia Grande, município do litoral de São Paulo, a acionarem a Polícia Militar Ambiental (PMA). Ao atender a ocorrência, policiais encontraram pelo menos seis cães da raça rara Galgo Italiano, muito vista em competições de corridas caninas. Eles foram resgatados com sinais visíveis de maus-tratos.

Especula-se que o lugar vinha sendo usado como ponto de cativeiro clandestino para reprodução da raça e comercialização. Quando bem cuidados, os cachorros desta raça podem atingir até 80 km/h, o que gera alta procura para participar de competições.

Os agentes encontraram os animais em estado de desnutrição, com costelas aparentes, desidratação e assustados a qualquer movimento, em local praticamente inabitável, sem alimento ou fonte de água para os bichos.

O proprietário da casa estava desaparecido há duas semanas, e não foi encontrado durante a ação dos PMs. A ausência dos moradores e o forte cheiro exalado da casa, fez a vizinhança acreditar que o homem pudesse estar morto dentro da residência. Porém, o mau cheiro era proveniente dos corpos de dois outros cães que não resistiram às péssimas condições de vida do local.

A ossada de um dos bichos foi encontrada em um corredor da residência. Já o segundo, foi encontrado dentro de um cômodo fechado, já com claros sinais de decomposição.

TV Foco 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.