Formigas invadem incubadoras de CTI neonatal e atacam bebês em BH

Foto: Divulgação 
Funcionários da Maternidade Odete Valadares, em Belo Horizonte, denunciam que infestação de formigas atinge incubadoras do Centro de Tratamento Intensivo (CTI) neonatal do hospital. Em vídeo, é possível ver os insetos andando em materiais, equipamentos e mesmo no rosto de um recém-nascido internado na unidade. Segundo servidores, a situação é recorrente e já havia sido informada às autoridades do hospital. Após a repercussão, a direção da maternidade reconheceu o problema e disse que tomou medidas de dedetização.

A denúncia foi feita pela Associação Sindical dos Trabalhadores em Hospitais de Minas Gerais (Asthemg). “Absurdo! Recém-nascidos são atacados por formigas na maternidade Odete Valadares. Nos berçários da maternidade, os bebês recém-nascidos que estão em incubadoras estão sendo atacados por formigas existentes no setor”, informa a associação.

Conforme os trabalhadores, o serviço de limpeza diário não tem sido suficiente para evitar as formigas. “A enfermagem está desesperada, pois apesar dos cuidados diários na limpeza têm surgido dezenas de formigas caminhando sobre os recém-nascidos, nos materiais, tubos, equipamentos de soro e até mesmo nos rostos dos bebês”, a associação lamenta, em nota.

A Maternidade Odete Valadares reconheceu, em nota, a incidência de formigas no CTI neonatal e informou que, além da dedetização, foi alterada toda a rotina de limpeza da unidade, do teto ao piso. Com relação à criança que aparece no vídeo, a direção afirma que ele está bem mas continua sob cuidados médicos intensivos.

Segundo a fundação, os bebês foram trocados de leitos após a necessidade de aplicação de um formicida mais forte devido à insistência da praga.

O Povo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.