Calor aumenta necessidade de hidratação

Foto: Internet 
Com temperatura mais alta no mês de março, a autônoma Jocélia Marques Almeida percebeu incremento de 15% nas vendas de água, água de coco e suco. “Salada de frutas também tem saído bastante por ser natural e gelada”, complementa Jocélia, que comercializa lanches no bairro José Bonifácio, em Fortaleza.

Para lidar com altas temperaturas, a médica Magda Moura de Almeida, do Departamento de Saúde Comunitária da Universidade Federal do Ceará, recomenda a ingestão de líquidos e o consumo de alimentos com alto teor de água, como as frutas mamão, melancia e melão. Esses cuidados ajudam a evitar a desidratação, que apresenta sintomas como dor de cabeça, mal-estar, sensação de desmaio e redução da urina.

A atenção deve ser redobrada com crianças e idosos. “Idosos sentem menos a mudança da temperatura e bebem menos água no calor. E crianças têm o metabolismo mais acelerado e dependem de outras pessoas para o acesso à água”, alerta Magda. Também devem ser evitados alimentos com excesso de sal, como embutidos, porque o calor associado a comidas muito salgadas pode provocar inchaço.

O Povo
 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.