'Estamos discutindo é qual será o meu partido', diz Meirelles

Henrique Meirelles
Foto: André Dusek/Estadão
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, admitiu que poderá sair do PSD para ser candidato à Presidência da República. O destino preferido, até agora, é o MDB. Dono de apenas 2% das intenções de votos, Meirelles disse, porém, que tem conversado “com vários partidos” e feito pesquisas qualitativas para medir o seu potencial de crescimento.

“A questão que estamos discutindo é qual será o meu partido. Kassab vai se posicionar em relação a fatos concretos: ter um candidato a presidente da República ou ter candidato a vice-governador de São Paulo. No caso, ele próprio”, afirmou Meirelles ao Estado.

A referência ao ministro de Ciência, Tecnologia e Comunicações, Gilberto Kassab, não foi à toa. Chefe do PSD, Kassab negocia para ele a vaga de vice na provável chapa a ser liderada pelo prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), ao governo paulista. Em troca, o PSD está disposto a apoiar a candidatura do governador tucano Geraldo Alckmin ao Palácio do Planalto, mesmo tendo Meirelles como presidenciável.

Fonte: O Estado de S.Paulo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.