Lutadora cearense conquista prêmio de Revelação do Ano no Oscar do MMA Nacional

Foto: Darjan Wesley/interação Esportes
Vetarana no mundo das lutas, mas novata no MMA, Marília Fanta teve sua primeira temporada nas artes marciais mistas coroada com o prêmio de “Revelação do Ano” na 6ª edição do Prêmio Osvaldo Paquetá, considerado o Oscar do MMA Nacional. A lutadora cearense foi a mais votada na categoria, em que concorria com outras quatro atletas que estrearam no circuito profissional em 2017: Melissa Gato, Duda Cowboyzinha, Rose Brito e Andreia Cerdeira.

Depois de fazer carreira no muay thai, onde já realizou várias lutas e milita há bastante tempo, Marília estreou com duas vitórias no MMA em 2017. Em sua estreia, venceu por finalização Ana Nicoly, no Aspera FC 53, em junho do ano passado. Em novembro, subiu ao cage para enfrentar Polly Lima, no Ultra MMA, em Fortaleza, e novamente saiu vencedora, dessa vez por nocaute técnico, fechando o ano com o cartel de 2-0.

A cerimônia de entrega dos prêmios ocorreu no último sábado, dia 27, em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. Fanta não teve como participar do evento, mas enviou um vídeo, em que fala da alegria de ser reconhecida como vencedora.

O Ceará também faturou outro prêmio na edição 2017 do Prêmio Osvaldo Paquetá, faturando a categoria “Arte Gráfica”, com o material produzido pelo designer cearense Júnior Magalhães para o Action Fight 7. O Estado ainda teve outros três finalistas na disputa: Action Fight (como Melhor Evento de MMA não Televisionado), Luan Oliveira (concorrendo na categoria Fotografia do Ano) e Jeane Gomes (que concorreu como Ring Girl do ano).

O Povo/Clube da Luta

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.