Loja retira camiseta com estampa da antiga Febem após polêmicas

Foto: Divulgação
Após denúncias que circularam nas redes sociais, a marca de roupas paulista A Mulher do Padre (AMP) retirou de circulação camisetas estampadas com a logo da antiga Fundação Estadual para o Bem Estar do Menor (Febem), atual Fundação Casa. A loja divulgou nota em seu Facebook neste domingo, 28, para se desculpar.

A marca explicou que a camiseta fazia parte da linha de roupas LOST&FOUND (achados e perdidos em português), um segmento que reúne marcas antigas. Na publicação, a AMP avalia que "foi um erro a colocação de uma marca como da Febem nessa linha" e comunica que retiraram todas as camisetas das lojas. De acordo com comentários na postagem, a peça estava sendo vendia a R$ 96.

Originalmente, a primeira versão do pedido de desculpas dizia que a camisa com a estampa da Febem era inclusa em um rol de marcas que, de alguma forma, fizeram parte da vida das pessoas. "É uma marca de camisetas de uniformes de companhias aéreas, instituições, concertos musicais e muitas outras que remetem a um passado distante que fez parte das nossas vidas de alguma forma". Após reclamações de usuários, a AMP editou o comentário e retirou essa parte.

Internautas logo se manifestaram contra o posicionamento da grife. "Fez parte de nossas Vidas" como se a FEBEM fosse uma casa de retiro de férias... A arte passa por 50 mil pessoas e não tinha 1 em sã consciência para falar 'isso aí não vai pegar bem não!'", exclamou uma. "Lucram com o sofrimento do povo pobre até a última gota e acham que soltar esse lixo de nota indeniza?", questinou outra.

O Povo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.