Cinco são presos por assaltos de mais de R$ 300 mil em mercadorias no Ceará

Foto: Saulo Roberto
Cinco pessoas, incluindo um empresário de Sobral, foram presos com duas cargas de valor avaliado em R$ 300 mil. A captura da quadrilha foi apresentada em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (15) pela Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) do Ceará.

As investigações iniciaram em 8 de janeiro, após um roubo de carga na cidade de Umirim, no norte do Ceará. De acordo com a polícia, um grupo armado parou um caminhão com carregamento de botijões de gás que seguia para Itapipoca.

A partir dos levantamentos feitos pela delegacia, as equipes chegaram ao chefe do bando, Antônio Erinaldo de Jesus do Carmo, de 34 anos. Ele já tinha passagens na polícia por porte ilegal de arma de fogo e ameaça.

Prisões
O suspeito foi preso na quarta-feira (10), enquanto estava em casa, no município de Pacatuba. Um carro similar ao utilizado no roubo foi encontrado em frente à residência do suspeito. Além do chefe da quadrilha, também foram presos no momento outros dois assaltantes envolvidos, identificados como Egmon Douglas Silveira Pontes (25), com antecedentes criminais por furto, receptação e crime de trânsito; e Elan Carlos Almeida Rodrigues (24), com passagem por roubo.

No local também foram encontrados um revólver calibre 38 e munições. Também foi apreendido um outro veículo.

Em busca da carga roubada, as equipes de investigação seguiram para Croatá, para prender Anderson Barreto Gomes, conhecido por "Lago" e sem antecedentes criminais. De acordo com o delegado Diego Barreto, Anderson agia como um intermediador. Ele recebia o material roubado do trio de assaltantes e revendia para um comerciante, em Sobral.

O empresário foi identificado como Francisco Evilásio Ferreira Melo (44) foi preso na quinta-feira (11) e já tinha passagens pela polícia por roubo de carga e furto. No estabelecimento comercial de Francisco Evilásio foram encontradas várias sacas de arroz que haviam sido roubadas em dezembro de 2017, na cidade de Maracanaú.

Além dos fardos do mantimento, a polícia também encontrou um caminhão, onde estavam armazenados os 569 botijões de gás que haviam sido roubados em Umirim. As duas cargas foram avaliadas em cerca de R$ 300 mil. Todos os presos foram ouvidos e indiciados por associação criminosa. O trio de assaltantes também responderá por roubo de carga. Anderson e Evilários foram autuados também por receptação.

Fonte: G1

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.