Ceará encara Criciúma e tem ótimas chances de selar o acesso à Série A

Foto: Mateus Dantas
Muito perto do acesso para a Primeira Divisão do futebol nacional, o Ceará tem hoje grande oportunidade de sacramentar, com uma rodada de antecedência na Série B, sua volta para a Série A do Campeonato Brasileiro, competição que não disputa desde 2011.
Em Santa Catarina, diante do Criciúma, às 18h30min (horário de Fortaleza), o Alvinegro conquistará o objetivo caso vença por qualquer placar. 

Esse é apenas um dos cenários, afinal, ainda que não consiga os três pontos, o elenco comandado por Marcelo Chamusca tem possibilidade de garantir o acesso com um empate ou até mesmo antes de entrar em campo (veja quadro abaixo), tendo em vista que Paraná, Oeste e Londrina, os concorrentes diretos, terminarão seus jogos antes do Alvinegro começar seu confronto. Não por acaso a expectativa dos torcedores é justa. Com a 3ª melhor campanha como visitante da Segundona — 28 pontos conquistados em 54 disputados — o Ceará tem construído um caminho sólido e seguro, especialmente após a chegada do técnico Marcelo Chamusca, na 10ª rodada.

Em contato exclusivo com O POVO, ontem, Chamusca resumiu o espírito do elenco, concentrado em Criciúma desde a noite de quinta-feira, 16. “O ambiente é de confiança e valorização da oportunidade de concretizar o nosso maior objetivo”, destacou.

O time terá um desfalque importante na lateral esquerda, já que Romário tem problema no músculo posterior da coxa esquerda e não viajou com a delegação. Quem assume a vaga é Rafael Carioca. 
Autor de três gols na competição, Rafael já entrou em campo pelo Ceará nesta Série B em 16 oportunidades. Assim — e provando que a força do time está no elenco e não apenas nos titulares —, não será novidade a responsabilidade de assumir a posição. 

No ataque, a ausência é do centroavante Élton. O jogador, artilheiro do Ceará na competição com nove gols em 27 jogos, foi expulso contra o Paysandu, na terça-feira, 14. Arthur e Magno Alves brigam pela posição, com maiores chances para o Magnata. 
Por outro lado, o Alvinegro conta com o retorno de Leandro Carvalho. O atacante desfalcou a equipe no último duelo por causa de questões contratuais com o Paysandu, dono de seus direitos econômicos, e retorna no lugar de Roberto. 

As modificações no time não incomodam Chamusca. “Como sempre, não me debruço nos problemas. Os que entrarão devem manter o padrão tático da equipe. Procuro não mexer na parte tática com as mudanças e justamente por isso treino os conceitos com todo o grupo”, alertou.

O CEARÁ SOBE SE:
- Vencer por qualquer placar; - Empatar e o Paraná perder para o CRB; - Empatar e o Londrina não vencer o América-MG; - Londrina e Oeste não vencerem América-MG e ABC, respectivamente

Com informações O Povo Online

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.